LG K51S o intermediário da família K de 2020 [Análise / Review]

A LG lançou o LG K51S que é o intermediário da família k lançado em 2020 com preço sugerido de R$ 1.500, da mesma forma que seu irmão k41S o corpo é de plástico liso e um pouco escorregadio, mas com pegada boa tudo aliado a uma capinha de TPU que vem na caixa.

O k51s tem da saída de áudio mono, infelizmente o alto-falante é mono mas permite ouvir músicas e assistir filmes ele tem suporte DTS:X 3D Surround que dá uma experiência 3D para o fone de ouvido, permitindo, por exemplo, ouvir detalhes. Sim ele tem entrada de 3,5 mm (P2) e claro certificação militar de resistência, ou seja, ele é resistente a impactos, umidade, choque térmico, entre outros.

P2 e carregador USB-C, mas infelizmente saída mono
P2 e carregador USB-C, mas infelizmente saída mono

Da mesma forma que o o k41s o k51s também tem tela IPS LCD HD+ de 6.55″ com poucas bordas em volta do dispositivo. Aqui meu mimimi, o brilho do k51s é baixo que é quase impossível enxergar o conteúdo da tela ao sair no sol, então o ideal do k51s é usa celular em locais fechados. Na lateral direita, você encontrará o botão de liga/desliga e a bandeja para inserir o chip e o cartão de memória. Na lateral esquerda, estão os botões de volume e um dedicado para o Google Assistente presente em nos smartphones da LG. Ainda falando de tela vale lembrar a câmera frontal 13MP de f/2,0 ela é muito satisfatória, consegue trabalhar bem com as cores mesmo com variações.

LG k51s com luz direta fica com uma dificuldade de leitura com muita luz
LG k51s com luz direta fica com uma dificuldade de leitura com muita luz

Na traseira, é possível encontrar o conjunto de quatro câmeras e o flash LED. Da esquerda para direita, são elas: uma macro de 2 megapixels, uma Super Grande Angular de 5 megapixels com campo de visão de 115 graus de f/2,2, um sensor de profundidade de 2 megapixels de f/2,4 e uma câmera inteligente de 32 megapixels. No quinto furo, está o flash de LED. As câmeras tem inteligência que identifica cenas. A parte mimimi é que fotos noturnas podem decepcionar.

A LG colocou o leitor de impressões digitais na parte traseira do aparelho e o logo da empresa ficou posicionado na parte inferior, o leitor biométrico funciona muito bem, deu algumas falhadas.

Leitor de digital um pouco lento
Leitor de digital um pouco lento

O aparelho tem o mesmo processador MediaTek Helio P35, 3 GB de RAM e 64 GB de armazenamento, alem de aceitar expansão com cartão micro SD. O processador consegue rodar aplicativos do dia a dia sem problemas. Da mesma forma que o k41s temos Android 9 Pie ao invés de Android 10.

A câmera selfie mesmo com diferença de cores faz um ótimo trabalho
A câmera selfie mesmo com diferença de cores faz um ótimo trabalho

Quando o assunto é bateria, não há reclamações são 4.000 mAh, por outro lado o k51s é um pouco gastão, se você assite muito YouTube ou jogar terá que realizar mais de uma carga no dia e para carregar leva perto 2h para ir do 0% ao 100%.

Veredito

Depois analisar o LG K51S mesmo ele tendo uma ótima bateria ele é um pouco gastão. Suas vantagens boas câmeras e a bateria, mas senti que LG poderia ter investido em uma câmera noturna no modelo, mas de maneira geral é um bom aparelho.

Rafael Mota

*Tech/creator do Inteligência Móvel (IM) * Nerd/geek (Pete Mineiro ⛏ da Cavalaria Geek). * [email protected]