Moto Edge 30 Pro [Análise / Review]

Na briga dos tops de linhas de mercado, a Motorola traz o Moto Edge 30 Pro, nele a empresa coloca todas as armas que ela tem de melhor, novo chipset Snapdragon 8 Gen 1, conjunto de câmeras, tela OLED de 144 Hz, Wi-Fi 6e, Bluetooth 5.2, NFC, 5G e bateria de 4800mAh com recarga ultrarrápida de 68 W tudo isso com Android 12 de fábrica. O preço sugerido é de R$ 6.044,07.

Motorola Edge 30 Pro com vidro na traseira, trio de câmeras, acessórios e o cheirinho Motorola
Motorola Edge 30 Pro com vidro na traseira, trio de câmeras, acessórios e o cheirinho Motorola

O Motorola Edge 30 Pro é construído em vidro na frente e atrás embora não pareça ser vidro na traseira. Para o modelo a Motorola não adicionou a adotou certificação IP68, escolheu por usar certificação IP52, que confere proteção contra poeira e respingos d’água. 

Alem da recarga de 68W ultrarrápida ele tem suporte a carregamento sem fio de até 15W
Alem da recarga de 68W ultrarrápida ele tem suporte a carregamento sem fio de até 15W

Na lateral direita, temos os botões de volume e de power. O de power que serve também como leitor biométrico, que é bem ágil, porem nem sempre preciso. Na parte inferior estão a gaveta para dois chips,  entrada USB-C que também é entrada para fones de ouvido e o alto-falante principal. Há dois microfones, um no topo e outro embaixo, para captura de som estéreo. Falando em carregamento, temos suporte a carregamento sem fio de até 15W. Inclusive, além dos  68 W para recarga ultrarrápida.

Leitor biométrico bem ágil, botão de volume e um conjunto de lentes de babar
Leitor biométrico bem ágil, botão de volume e um conjunto de lentes de babar

Como eu mencionei, a tela OLED de 6,7 polegadas com resolução Full HD+ (2400 x 1080 pixels) com suporte ao HDR10+ do Motorola Edge 30 Pro tem uma taxa de atualização de 144 Hz, torna a navegação muito mais ágil e precisa. Em resumo, a tela é linda, faz tudo ficar excelente. Graças a taxa que atualização, ela faz a diferença nos games como Asphalt 9, Call of Duty Mobile, LOL Wild Rift e UFC Mobile 2, que rodaram lisos.

Gaveta para 2 SIM
Gaveta para 2 SIM

Nas configurações do aparelho, você consegue escolher usar a frequência máxima, a qual consome mais bateria, mas também é possível selecionar a opção que deixa o sistema escolher a velocidade de atualização ideal para o conteúdo exibido.

Jogos lisos até no modo Ready For
Jogos lisos até no modo Ready For

Por baixo o Motorola Edge 30 Pro tem o novo chipset Snapdragon 8 Gen 1, da Qualcomm, aliado a 12 GB de RAM e 256 GB de armazenamento interno, um mimmimi, não tem expansão via microSD.

Bom com tudo isso posto, e usando tudo no máximo não tive problemas, senti apenas um leve aquecimento usando o recurso de Ready For.

Modo Ready For alternando entre controle e mouse
Modo Ready For alternando entre controle e mouse

Falando em aquecimento isso me remete a bateria, o Motorola Edge 30 Pro vem com 4800mAh de bateria, aqui é onde os smartphones sofrem comigo. No meu uso diário com redes sociais, YouTube, Tik Tok, Spotify, uso da câmera, jogos e muita mensageira, isso tudo ligado no máximo, ele não aguentou aguentou 1 dia inteiro saindo as 6h e indo ficar sem bateria perto das 16h. Reduzindo tudo para um nível mais comum, já conseguiu aguentar um dia inteiro de uso, chegando ao segundo dia com cerca 10%.

Modo Ready For em Modo desktop muito bom de usar
Modo Ready For em Modo desktop muito bom de usar

A parte boa dele, não aguentar o dia inteiro na minha mão, foi poder testar o carregador que vem junto com o aparelho. Ele tem potência máxima de 68W e faz a bateria ir de 0 a 100% em 53 minutos, digamos que dá para ver um episódio de uma serie. Uma recarga rápida de 15 minutos recupera 44% e meia hora na tomada terá 85% para usar, usando o carregador dele é claro. Usando a recarga sem fio, a experiência ainda deixa um pouco a desejar.

Som do o Motorola Edge 30 Pro vem com dois alto-falantes. O meu mimimi com o som, pode vir a ser da maioria gamer, o alto-falante superior, quando estamos jogando, naturalmente vamos tampar a saída de som inferior, ai o áudio da parte superior é bem fraquinho.

Ready For, o modo desktop da Motorola. Eu gostei muito dessa nova versão, pois funciona com ou sem fio. Testei o modo sem fio algumas vezes e foi bom, tive alguns problemas de delay, quando no modo Wi-Fi, esperado, fora que quando se usa o smartphone nessa função você não pensa em jogos mas em usa-lo como computador.

Agora a Ready For via cabo USB-C eu encontrei problemas, pois os meus dois adaptadores não foram reconhecidos como válidos para o dispositivo como ocorria com outros smartphones da marca.

Nas câmeras, eu esperava encontrar um smartphone bravo, afinal o conjunto tem duas câmeras de 50 MP, sendo uma delas com lente ultra-wide, além de uma terceira para desfoque de fundo, senti falta do zoom forte. A frontal também ganhou upgrade indo para 60 MP. 

A principal é capaz de registrar boas fotos, mas não faz total uso da capacidade do sensor, porem o Night Vision com 50 MP brilhou os olhos, e isso também se refletiu nas fotos macro, e os resultados são excelentes porem o sensor demorou um pouco para reconhecer o modo macro.

A câmera de selfie tem um sensor wide de 60 MP e abertura de f/2.2 e isso tudo impressiona. Consegui fazer boas selfies com alto nível de detalhes, além de uma coloração que me agradou bastante.

O Motorola Edge 30 Pro até grava em 8K a 30 frames por segundo, e 4K a 30 fps nada de 60 fps. Infelizmente, não domino vídeos, mas no geral qualidade das filmagens foi boa em locais bem iluminados e sofre com ruídos à noite. A um mimimi a parte, filmar em maior qualidade gasta mais espaço, então uma dica resolução Full HD com 60 fps é mais do que suficiente.

Confira as fotos

Veredito

O Motorola Edge 30 Pro é uma evolução da linha Edge e a Motorola fez bonito com o processador, memória RAM e armazenamento, bem como todos os demais itens de aparelho topo de linha que o Motorola Edge 30 Pro oferece, pode parecer mimimi e que pode fazer ele perder ponto com os usuários é a falta da certificação IP68 e o Zoom na câmera. 

O preço do modelo pode ser um fator que afaste o consumidor, mas ele está dentro dos valores de smartphones com essa configuração. Vale sim colocar o Motorola Edge 30 Pro na sua lista de desejos e ficar monitorando o preço por ai.

Rafael Mota

*Tech/creator do Inteligência Móvel (IM) * Nerd/geek (Pete Mineiro ⛏ da Cavalaria Geek). * [email protected]