Google apresenta seus produtos com a marca Next

Todo ano o Google apresenta um evento anual o Made by Google para mostrar seus produtos para o ano e 2019. O mais esperado sem dúvida era os smartphones Pixel (Pixel 4 e 4 XL), além deles tivemos a 2ª geração dos fones de ouvido Pixel Buds, laptop Pixelbook Go Chromebook, alem das caixas inteligentes e wifi que ganharam o nome Next. Vamos aos lançamentos.

Pixel

A sua nova geração de smartphones com os dispositivos Pixel 4 e Pixel 4 XL. O novo Pixel 4 com um sensor de movimento, dispensando o toque para desbloqueio, para passar de música ou ver mensagens. Também ganhou um upgrade no Google Assistente que está mais ágil e inteligente: o sistema de inteligência artificial é capaz de fazer pesquisas ou enviar arquivos, links e fotos para contatos da agenda, tudo por meio de comandos de voz. Outra novidade é a câmera com modo noturno superpotente e modos para ajustar apenas as sombras e luzes da foto. As câmeras tem 12 MP e 16 MP, eles ficam em um módulo quadrangular com um leve relevo. Há também uma câmera frontal que captura vídeos em Full HD e fotos em até 8 MP.

sensores Pixel 4
sensores Pixel 4

O Pixel 4 padrão, tem uma tela de 5,7 polegadas com resolução de 1080p, enquanto Pixel 4 XL tem tela de 6,3 polegadas com resolução Quad-HD. Ambos OLED. O processador de ambos é igual temos o Qualcomm Snapdragon 855, que podem usar duas variações de memória a 6 GB ou 8 GB de memória RAM, com 64 GB ou 128 GB de armazenamento interno, sem slot para expansão para cartão microSD. O aparelho tem suporte a dual-SIM, mas com espaço para apenas um chip físico, a outra obrigatoriamente tem que ser e-SIM. A bateria do Pixel 4 conta com 2.800 mAh, enquanto o XL tem uma bateria de 3.700 mAh.

Câmera quadrada do Pixel 4 que já tinha vazado
Câmera quadrada do Pixel 4 que já tinha vazado

O preço do Pixel 4 de 64 GB foi anunciada por US$ 799 e US$899 na versão de 128GB. Já o Pixel 4 XL de 64GB custará US$ 899; e a versão de 128GB, US$ 999. As vendas iniciam em 24 de outubro, e não serão comercializados no Brasil, ao menos não tive maiores informações sobre.

Pixel Buds

Outra novidade foi o fone sem fio bluetooth, foi Pixel Bud de segunda geração. A nova versão não tem mais fio, foi remodelado, com encaixes nas orelhas para melhorar a experiência e sofrer menos interferência de sons externos.O microfone tem um acelerômetro e durante as chamadas é capaz de captar o som da voz através do maxilar, para fornecer uma qualidade de áudio superior e sem ruídos. Não terá cancelamento de ruído, mas agora têm integração total com o Google Assistente, permitindo controlar a execução das faixas, acionar tradução, entre outros por voz.

O Pixel Bud 2 agora poderá permanecer conectado ao seu telefone mesmo estando até 110 metros, longe do celular.

A Google disse que uma única carga da bateria permitirá até 5 horas de funcionamento ininterrupto, que pode ser expandida para até 24 horas com o uso do estojo (que funciona como power bank).

Os Pixel Buds 2 serão lançados no segundo trimestre de 2020 por US$ 179 e não serão comercializados no Brasil, por hora.

Google Nest Mini

O Google Nest Mini é o sucessor do Google Home Mini. O corpo em relação a versão anterior não mudou em nada, topo coberto de tecido, onde estão incorporadas quatro luzes indicadoras, corpo feito com materiais reciclados, botão físico perto da porta de alimentação para desativar os microfones e cabo de energia. O Google porem deu um upgrade ao Nest Mini, o áudio ficou melhor que a versão anterior agora ele terá um chip que processa localmente os comandos do Google Assistente.

O Google Nest Mini será lançado no dia 22 de outubro em 23 países — incluindo o Brasil, já está disponível na Google Store. Ainda não há o preço oficial do produto por aqui, mas o preço dele nos Estados Unidos é de US$ 49, o mesmo do antigo Google Home.

Nest Wi-Fi

Para conectar todo mundo a Google irá lançar novos roteadores serão eles Nest WiFi e um ampliador chamado de Nest Wifi Point. O principal diferencial destes aparelhos será o Google Assistente, que vem embutido em ambos.

O Nest Wifi é duas vezes mais rápido que seu antecessor, o Nest Wifi se conecta ao seu modem para fornecer conectividade Wi-Fi, com uma aparência bem amigável. Já o Nest Wifi Point estende o sinal de internet e cria uma rede Mesh no ambiente. Apesar de não possuir uma entrada de cabo ethernet, ele vem equipado com um alto-falante que servirá para que chamemos o Google Assistente, algo semelhante ao Nest Mini ou Google Mini, com qualidade de som semelhante, controles por toque e microfones de campo.

O Google Nest Wifi sai por US$ 169, enquanto o pacote com um roteador e um repetidor custa US$ 269. Haverá a opção de comprar três de uma vez, um roteador e dois repetidores custando US$ 349 (R$ 1.448) e estará disponível em 4 de novembro em 8 países, que ainda serão revelados. Esse eu quero muito no Brasil.

Google Stadia

Agora é oficial amante de jogos, o Google Stadia chega ao mercado dia 19 de novembro de 2019 para quem comprou o pacote de US$ 129, que inclui o Stadia Controller, um Chromecast Ultra e mais três meses da assinatura Pro, com suporte para 4K.

O Stadia será lançado em apenas 14 mercados e terá algumas limitações. O streaming de games para celulares, por exemplo, só estará disponível para smartphones das linhas Pixel 3 e Pixel 4. Vale destacar, também, que nem todo mundo vai conseguir jogar já no lançamento,os brasileiros ainda não devem conseguir usar pois o Brasil a principio não faz parte dos 14 mercados a que o Stadia será comercializado, mas vamos aguardar.

Pixelbook Go

Pixelbook Go
Pixelbook Go aposta no desing tradicional de notebook

Durante seu evento claro teve notebook, ou melhor Chromebook, a Google apresentou oficialmente o Pixelbook Go, seu mais novo dispositivo equipado com Chrome OS.

A tela do Pixelbook Go é de 13,3” e possui resolução Full HD em sua versão mais básica, além de uma variante com suporte para 4K. O produto também conta com dois alto-falantes frontais e um par de microfones que pode ser utilizado para cancelamento de ruídos. Por baixo do capó haverá chips Intel das linhas m3, i5 ou i7 de oitava geração, que são acompanhados de 8 ou 16 GB de RAM. Quanto ao armazenamento, o modelo será vendido em variantes com 64, 128 e 256 GB de memória interna. A bateria também promete não decepcionar: segundo a Google, 12 horas de autonomia, ao ser conectado na tomada por apenas 20 minutos, o dispositivo recupera cerca de duas horas de energia.

O Pixelbook Go foi anunciado na cor preta, que o Google chama de “Just Black”, e uma cor rosada, chamada pela empresa de “Not Pink”, o preço do novo Chromebook será por US$ 649. Esse é outro produto que não vejo chegar ao mercado brasileiro.

Rafael Mota

*Tech/creator do Inteligência Móvel (IM) * Nerd/geek (Pete Mineiro ⛏ da Cavalaria Geek). * [email protected]