Galaxy Buds+ [Análise / Review]

A Samsung lançou os Galaxy Buds+, os novos fones de ouvido totalmente sem fio. Eles mantiveram o design da geração passada, mas agora prometem até 11 horas de bateria com uma única carga, microfones aprimorados para ligações e maior qualidade de som que a versão passada, inclusive no preço continua igual a da geração passada R$ 999.

Duas gerações lado a lado
Duas gerações lado a lado

Como eu disse na geração passada eu retiro para o Galaxy Buds+, não sou o especialista em áudio, nem que tenho ouvidos apurados. Ao abrir a caixa o Samsung Galaxy Buds+ parece que ficou mais atraente, ganhou um brilho a mais do que a geração passada. Novamente meu Galaxy Buds+ foi presente da Samsung, a caixa inclui um estojo/case de carregamento, várias borrachas para adaptar o fone ao seu ouvido, manuais e um cabo USB-C, até ai também nada de novo, e eles continuam levando a marca da AKG estampada.

Carregar via USB-C ou indução
Carregar via USB-C ou indução

Falando em borrachas para adaptar o fone ao seu ouvido, o Galaxy Buds+ repete o sucesso do anterior ficaram bem seguros nas minhas orelhas, algo que é bem difícil pois tenho dificuldade em achar fones que não caiam! Mas claro que ir ao banheiro usando ainda gera aquele frio na barriga. Uso meu Galaxy Buds+ praticamente o dia inteiro, principalmente por que agora posso usar o o recurso Som Ambiente que vou explicar melhor mais abaixo, por isso até esqueço que estou com o fones.

Continua muito confortável e seguro
Continua muito confortável e seguro

Mas o que mudou, há boa pergunta o Galaxy Buds+ ganhou um novo alto-falante bidirecional para reforçar os graves. Eles possuem dois microfones externos em cada lado, o que ajuda a melhorar a qualidade da voz, eliminando ruídos de fundo. Aqui fica um destaque ainda maior para um outra função que é o som ambiente que também ficou muito melhor que a geração anterior.

Galaxy Buds+ com dois microfones
Galaxy Buds+ com dois microfones

O som também ganhou upgrades no Galaxy Buds+, volume no máximo, o Galaxy Buds+ atingiu 94.0 dbA no decibelímetro, a geração anterior tinha batido 73.6 dbA no decibelímetro, ou seja, se você ficou surdo com a geração anterior nessa vai ficar mais ainda porque a Samsung melhorou o que era ótimo. Ainda é possível configurar o som dos Galaxy Buds+ por meio do aplicativo Samsung Galaxy Wearables: Play StoreApp Store que, agora realmente funciona para iPhones, vale lembrar que o fone funciona independente do aplicativo, mas ele faz diferença. Você pode ativar o recurso Som Ambiente, que deixa parte do ruído externo passar, e personalizar o comportamento como abrir o Spotify ou ativar recursos como os assistentes pessoais, no caso da Apple eu não consegui grandes personalizações como no Android.

Atingiu 94.0 dbA no decibelímetro
Atingiu 94.0 dbA no decibelímetro

A outra mudança que brilha ainda mais no Galaxy Buds+ fica por conta da bateria de de 85mAh que dá 11 horas de uso, na geração anterior tinha 6 horas algo que já tava um banho nos concorrentes da categoria, agora com 11 horas é um tapa na cara. O estojo tem bateria de 270mAh, e continua com suporta carregamento sem fio, pode dar uma carga adicional, elevando a autonomia para até 22 horas, segundo a Samsung.

Samsung Galaxy Wearables
Samsung Galaxy Wearables com ajustes mais finos e melhoria do som ambiente

O estojo de carregamento também recebeu atualizações ficando levemente menor, acabamento perolado mais brilhante e borrachinhas que indicam qual o fone direito e esquerdo e ainda diminuem o impacto do fechamento do case. O estojo ainda possui um LED que mostra a quantidade restante de bateria nos Galaxy Buds+ e porta USB-C na traseira para carregamento.

Veredicto final

Parece que a Samsung acertou de novo com o Galaxy Buds+, seu eu já indicava o Galaxy Buds o Galaxy Buds+ eu mais que indico, o que pega um pouco é o preço, pois são fones com um custo mais elevado quando se pensando no bolso brasileiro.

Eu uso o dia inteiro e os meus ouvidos não me doem, e consigo usar e falar com as pessoas normalmente. Eu posso falar bem ao telefone e usar a função Som Ambiente tranquilamente. Caminhar pela rua e também usar o recurso, algo que me dá muito mais segurança pois consigo ouvir tudo oa redor, a parte ruim é que no vento, ai sim vc fica com o barulho também no ouvido, não chega a incomodar mas as vezes irrita um pouco.

A primeira em relação a reparabilidade, segundo o site iFixit, também ficou melhor, pois subiu um ponto em relação anterior, sei que ninguém vai arrumar, mas é sempre bom ver que é possível trocar uma bateria ou algo do tipo. A Apple que eu vejo como principal concorrente tem três modelos mais caros que o Samsung e com reparabilidade 0, fora que com bateria muito, mas muito mais inferior.

Dito isso, e esquecendo um pouco de ecosistemas Apple e Android, eu recomendo o Galaxy Buds+ pela experiência, meesmo sendo salgado para o bolso brasileiro, se você quer um fone de qualidade invista no Galaxy Buds+.

Rafael Mota

*Tech/creator do Inteligência Móvel (IM) * Nerd/geek (Pete Mineiro ⛏ da Cavalaria Geek). * [email protected]