LG K61 o irmão mais velho da família K de 2020 [Análise / Review]

O K61 é o smartphone que mais chama atenção da linha k 2020 da LG , por ser um intermediário premium com tela grande, quatro câmeras na parte traseira, visual que chama atenção de longe. O K61 carrega a mesma identidade visual presente nos outros modelos da linha K 2020, mas sem dúvida é o mais bonito de todos, especialmente na versão branca, acabamento cromado e a traseira branca chama atenção até com a capa! Mesmo grandalhão O k61 tem uma pegada é boa mas é difícil de usar com apenas uma mão.

Tela do k61 ao sol ainda permite leitura
Tela do k61 ao sol ainda permite leitura

Me atrevo a dizer que o K61 é para quem gosta de jogos ou ver muito conteúdo, pois ele tem uma de 6.53″ numa proporção de 19,5:9 e 20:9 Full HD Plus (1080 x 2340). Porem o primeiro mimimi, a tela não fica toda preenchida.

Traseira muito bonita revelando as 4 câmeras
Traseira muito bonita revelando as 4 câmeras

Um detalhe que chama atenção no visual é a presença de um botão que serve para o Google Assistente, a idéia é bem legal, pois evita a necessidade do famoso “Ok Google”. Eu particularmente não sou um usuário para essa função. Porem algo que me ganha e muito na linha k 2020 é a conexão USB é USB-C e a entrada pra fones de ouvido, além dos 128 GB de armazenamento interno, além de um espaço na bandeje de sim para o cartão microSD, esse valor é mais do que suficiente para o grande publico, e ainda ter a opção do cartão faz dele um atrativo a mais.

Saída de som, entrada USB tipo C e também p2
Saída de som, entrada USB tipo C e também p2

O k61 também conta com a resistência militar que já é presente na linha, vale uma nota, resistência militar não torna o celular indestrutível, mas que ele foi testado para aguentar trancos mais fortes que o normal.

A parte sonora do k61 deixou um pouco a desejar, o som parecia abafado por alguns momentos quando em ambiente aberto e fatalmente a mão cobra um pouco as saída nos jogos. Como eu disse dá para plugar um fone de ouvido, é possível ligar o modo DTS: X 3D Surround, melhora o som mas talvez você não queira ficar de fone por muito tempo.

Detalha para a câmera selfie no canto da tela
Detalha para a câmera selfie no canto da tela

O K61 tem por baixo do capó o Mediatek Helio P35 com 4 GB de RAM e uma GPU PowerVR GE8320, no início de uso achei o aparelho um pouco lento, prensei que após o uso isso iria melhorar mas não, ele talvez mereça um carinho a mais em RAM, eu sentia alguns engasgos ao usar o WhatsApp, Telegran e o Teams que são meus comunicadores, mas senti alguns momentos também no Instagram. Pore mais estranho que pareça em jogos a coisa muda de figura, ele melhora, no Call of Duty Mobile conseguiu desempenho melhor. Vamos uma nota minha eu não fico configurando gráficos e coisas do tipo para performar da mesma forma que faço com câmeras os jogos para mim é para tirar o smartphone do bolso e jogar.

Versão branca, acabamento cromado, chama atenção até com a capa
Versão branca, acabamento cromado, chama atenção até com a capa

Para alimentar o K61 temos 4.000 mAh de bateria, que é o suficiente para um uso normal durante todo o dia, vendo vídeos, jogando e falando muito nos comunicadores. Eu costumava sair a tirar da tomada as 7h usar o dia inteiro e ainda no outro dias as 7 ter algo perto dos 23 a 30% de bateria, era muito comum carregar o celular perto do final do dia novamente. Tenho a dizer que houve momentos chegou a ficar 2 dias longe da tomada fácil.

O carregador que acompanha o k61 entrega apenas 10W de potência, isso dá algo perto de 28 minutos na tomada para chegar em 30% e pouco mais de 2h para ir de 0 a 100%. 

Agora vamos as câmeras, na parte traseira ao todo são quatro câmeras sensor principal de 48 MP com abertura f/1.8, lente ultrawide 8 MP e abertura de f/2.2, lente macro 5 MP, autofoco PDAF, HDR automático e sensor de profundidade 2 MP. Uma das coisas mais legais é que graças a tecnologia Quad Pixel dá para fazer boas fotos mesmo com a noite, porem isso não significa que não terá “ruído”, pois sim ela tem.

Na câmera frontal as selfies podem ser feitas com a câmera de 16 megapixels com abertura f/2.0, que faz fotos boas com muita luz e com “ruído” em ambientes mais escuros.

Veredito

O LG K61 chamou a atenção por ser um smartphone muito bonito, com tela grande e de ótima qualidade, boas câmeras e ótima autonomia. Vale investimento, eu ficaria de olho no preço dele como uma opção de smartphone.

Vou colocar aqui meus “mimimi” que são o som que poderia ser mais trabalhado, a lentidão em realizar algumas ações que talvez possa ser corrigida com atualizações, as fotos noturnas que poderiam ter um carinho a mais e por fim o botão do Google Assistente, esse último só está aqui por quem quem usa o smartphone para gravar vídeos vai usar um tripé ou algo do tipo que 50% das vezes acionava o assistente.

Rafael Mota

*Tech/creator do Inteligência Móvel (IM) * Nerd/geek (Pete Mineiro ⛏ da Cavalaria Geek). * [email protected]