Zenfone 5 [Analise/Review]

Quando o Zenfone 5 foi apresentando, foi inevitável ouvir de todos! Ele é cópia do iPhone X, e o próprio Marcel Campos falou que seria difícil dizer a público que não. Afinal ele surgiu para uma geração que estava conhecendo o “note” ou a cabeleira do “Cascão” se assim preferir.

Apresentação do Zenfone 5 durante a CES 2018 onde ele apresenta o Notch do Zenfone 5

Meu review e opinião será sobre o Zenfone 5, pois foi o modelo que a ASUS gentilmente concedeu. De início pensei que seria somente uma evolução pequena em relação ao Zenfone 4, mas estava errado. Asus fez um bom trabalho no novo Zenfone 5. O software mudou bastante, a qualidade das fotos cresceu ainda mais e sim ele faz tem bala para brigar com os grandes.

Zenfone 5 e Zenfone 4 muito parecidos

Em Desing, não mudou muito, vou dizer que ainda parece muito com a geração anterior o Zenfone 4.

Tela IPS LCD de 6,2 polegadas

O Zenfone 5 segue as tendências, com uma tela de proporção 18,7:9 e bordas reduzidas em volta do display IPS LCD de 6,2 polegadas com resolução de 2246×1080 pixels, além de finalmente dispensar os botões físicos na parte frontal, moldura menor.

Notch bem menor

A tela tem um brilho forte, que possibilita a visualização mesmo com bastante luz e usando alguns minutos você nem lembra que tem o notch, inclusive é nele que tem o primeiro pulo do gato, ele conta com o recurso de reconhecimento facial, e meu amigo que rápido! funcionou mesmo quando a iluminação não era a melhor possível. Ok antes que venham me criticar, ele infelizmente não funciona para guardar as senhas do Google e nem para pagamentos com Android Pay, mas já mostra que a ASUS sabe fazer e trabalhar com esse leitor antes de qualquer um.

Zenfone 5 com leitor de impressão digital na traseira e Zenfone Zoom bem parecidos.

O leitor de impressões digitais foi parar na traseira é menor, muito rápido e bem confortável.

A câmera é um pouco levantada, mas com a capa nem aparece

A câmera traseira tem um pequeno calombo, tem mas você vai usar a capa mesmo! Falando em capa a empresa pensou nisso também e já vem na embalagem um modelo simples e funcional de capa.

Com a capa tudo fica mais que perfeito

O Zenfone 5 tem duas câmeras na traseira, a principal é uma de 12 megapixels com lente de abertura f/1,8, enquanto a secundária é uma de 8 megapixels com lente grande angular de abertura f/2,2., o foco é rápido; o nível de detalhes é ótimo e o ruído de fotos noturnas é aceitável. Já a câmera frontal, encontramos um sensor de 8 megapixels com uma aplicação dedicada a selfies, com muito embelezamento. Ou seja, vamos ficar todos bonitos, sim ou sim, inclusive o modelo que estava comigo sofreu um upgrade na primeira semana para corrigir o embelezamento, pois estava puxando muito para o branco, pois tinha toques asiáticos ainda.

Confira algumas fotos com o Zenfone 5: 

O modelo que recebi é a versão com processador octa-core Snapdragon 636 e 4 GB de RAM, em linha com o que encontramos nessa categoria, mas se destaca pelos 128 GB de armazenamento, que dispensam a necessidade de um cartão de memória para quase todo mundo, mas se você precisar ele aceita também, inclusive a bandeja é tripa, ou seja, aceita um cartão de memória e mais um cartão SIM

Zenimoji, sim você pode mudar o seu rosto e mandar recados para amigos mesmo via WhatsApp

A grande novidade do Zenfone 5, é a a parte de Inteligência Artificial, ou IA que a ASUS adicionou ao Zenfone 5! Ela reune uma séria de recursos, como Realidade aumentada, que entra em ação com as câmeras do Zenfone 5,  OptiFlex que acelera as aplicações mais usadas pelo dono do smartphone. A Inteligência Artificial também está na carga da bateria ou inteligência de bateria, que analisa os ciclos de carregamento e aprende com eles para dar uma carga mais rápida durante do dia ou mais lentas a noite para que ao chegar perto do usuário acordar estar com 100%, acabando ou diminuindo com os problemas de vícios de bateria. A bateria de 3.300 mAh e o carregamento rápido o Zenfone 5 dura até mais que o suficiente para mim, eu saio normalmente as 6h da manhã e volto as 19h com algo perto dos 20%, mas tem dias que as 23h e ainda tinha carga tipo uns 9 a 10%, ainda. O Zenfone 5 chega com o mesmo USB-C que vinha no Zenfone 4 sem sacrificar a entrada de fone de ouvido.

Uma parceria com a Mauricio Produções garantiu Zenimojis da Turma da Mônica

Como eu disse a câmera frontal tem a inteligência artifical e com isso temos o ZeniMoji, uma versão dos Animojis da Apple. Graças a parceria com Maurícios de Souza Produções tem ZeniMojis da turma da Mônica, que são o máximo!

Para os mais exigentes em novidades, o Zenfone 5 sai de fábrica rodando com Android 8.0 Oreo,  mas a ASUS prometeu que o Zenfone 5 irá receber o  Android 9 Pie, mas graças a Zen UI eu não acho que ele fique devendo ou precisando do Android 9 tão já, pois muitas coisas que foram prometidas já estão presentes na ZenUi

A ASUS fez questão de destacar nos eventos, sobre o alto-falantes estéreo segundo a empresa ele é 4 vezes melhor. Não sou especialista em som, mas para mim estão muito bons comparado a outros modelos que uso.

A Asus vem evoluindo cada ano, aprendeu com o passado e vem fazendo milhares de pesquisa para cada dia mais aprimorar seus aparelhos, sim eles ligam para alguns clientes e escutam muito o consumidor e a mídia.

Veredito Final

O Zenfone 5 é considerado um dispositivo intermediário, eu acho que não que ele é melhor que isso pode talvez ser intermediário “premium”. É um dispositivo que recomendo. O modelo testado entrou o que prometeu, fotos bonitas, boa duração de bateria, ótima interface (eu acho que a ZenUI não faz falta do Android 9) e ainda é bonito.

Rafael Mota

*Tech/creator do Inteligência Móvel (IM) * Nerd/geek (Pete Mineiro ⛏ da Cavalaria Geek). * [email protected]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.