RideWith um serviço de caronas do Google

Por -

A gigante Google decidiu desbravar o segmento de carona, a companhia começou a testar em Tel Aviv, a segunda maior cidade de Israel, um serviço do tipo chamado RideWithA novidade está sendo desenvolvida pela equipe do Waze, que é do Google. O Waze fornece mapas, rotas e outros dados necessários para viabilizar a ideia. Os motoristas serão limitados a apenas duas viagens por dia e não poderão receber um salário. A única contribuição financeira permitida, então, será um auxílio para cobrir gastos como pedágio, gasolina e manutenção do veículo a ser pago com cartão de crédito, é definido pelo aplicativo com base em estimativas de consumo de combustível e em índices de desgaste do veículo.

De carona para os próximos

De carona para os próximos

Outra limitação: o usuário só consegue oferecer carona a partir da região em que está, ou seja, não é possível se locomover a um bairro vizinho para buscar o passageiro, a idéia aqui é o aproveitamento de lugares vagos no carro para viabilizar a ideia, e não na obtenção de lucro pelo motorista. Essas medidas não deixam a empresa totalmente imune a complicações com governos ou organizações que representam taxistas.

No Brasil, porém, esses aplicativos de carona estão na mira da justiça. Segundo profissionais ligados aos taxistas no Brasil, o Uber surgiu como sendo um aplicativo de caronas. É necessário, então, que se restrinja o surgimento de novos apps de transporte alternativo e sem regulamentação.

🔛Tech/creator do #in 👨‍💻 Nerd/geek (Pete Mineiro ⛏).Apaixonado pela esposa @agathaodossantos,tecnologias,fotos,games, rock,animais e pela vida. 📨 r.mota@inteligenciamovel.com.br ▶️ YOUTUBE: https://goo.gl/R07Uod 📸 INSTAGRAM: https://goo.gl/UeCasA 🕊 TWITTER: https://goo.gl/NMiYy1 💻 FACEBOOK: https://goo.gl/pg1PKL 👻 SNAPCHAT: https://goo.gl/UtKQdF 👍 ME ADICIONA: https://goo.gl/3noz3c