O que esperar do Novo Galaxy S6 da Samsung, também conhecido como Project Zero ?

Por -

Ficamos sabendo que a Samsung está perdendo terreno, principalmente para seus concorrentes asiáticos, e com isso, seus sucessivos recordes de lucro estão ficando para trás. Com esse cenário de maior concorrência, a empresa mudou seu foco em entregar mais do mesmo, e prepara uma linha totalmente nova, para o precursor do seu produto principal, o Galaxy S6, chamado internamente até agora de Project Zero.

galaxy_s6_11

Mas o que esperar do novo modelo, que segundo a empresa, está sendo remodelado do zero, isto é, não está mais comprometida a seguir uma linha de evoluções pontuais aqui e a li, e entregar mais do mesmo. Neste artigo, que é baseado em informações do site Sammobile, você verá o que poderá ser realidade logo no final do primeiro trimestre do próximo ano. Vamos lá.

Tela – Um show a parte, a tela trará uma estúpida resolução Quad HD, isto é, 2560x 1440, o que é 33% superior à resolução FULL-HD 1920×1080. Isto, para um tamanho de tela que ainda não está decidido, mas para não fugir muito do padrão da própria Samsung, deve girar em torno de 5″.

Câmeras – A câmera principal deverá usar o sensor IMX240, o mesmo encontrado no Galaxy Note 4, entretanto, não está decidido se suportará 16 ou 20 megapixels. Provavelmente, a Sammy manterá os 16 Mp, mas com o recurso de estabilização ótica de imagem, e também uma melhora para as fotos em condições com pouca luminosidade do ambiente. A câmera frontal deverá possuir a resolução de 5 Mp, o que não surpreende, pois modelos mais simples já possuem essa resolução, como o Galaxy Grand Prime, e o Galaxy A3.

Armazenamento – Até que enfim, a Samsung abandonará os enfadonhos 16 Gb como memória base. Com o aumento dos recursos, e o sistema operacional ocupado mais do que 50% da memória de armazenamento, já tava passando da hora, de os modelos começarem a vir com no mínimo 32 Gb. Modelos de 64 e 128 GB também são esperados.

Processador – Conforme os rumores, o novo Galaxy S6 deverá vir equipado por um novo processador da linha Exynos, modelo 7240, que terá suporte total à computação de 64 bits, com 8 núcleos de processamento, sendo 4 Cortex-A53, e 4 Cortex-A57. O processador do Galaxy Note 4, o Exynos 5433 já possui suporte aos 64-bits, contudo, não estão ativados, visto que o Android só passou a suportar este padrão após a versão 5.0, o Lollipop. Entretanto também é esperado variantes com o processador ainda não lançado, o Snapdragon 810, também de 64 bits, para atender a alguns mercados específicos.

Memória RAM – A expectativa é que o novo dispositivo venha com 3 GB de RAM, seguindo o padrão dos modelos Galaxy Note 3 e 4, o que dado os requisitos de softwares atuais, é mais do que suficiente para atender a qualquer tarefa.

Modem – Um fato interessante, é que a Samsung desenvolveu um modem LTE próprio, modelo SS333 ou Exynos Modem 333, que deve substituir o atual modem da Intel que a Samsung usa em seus modelos para conexão LTE/4G.  Além disso, há também indicações que o Galaxy S6 usará um novo chip da Broadcom, BCM4773, que combina as antenas de GPS, WIFI e Bluetooth.

Dado que as informações aqui relatadas se confirmem, sem dúvida, será um novo marco no padrão de hardware de dispositivos top de linha para telefones celulares. A Samsung mostra que não está dormindo, e sabe que precisa se movimentar para manter seu espaço que foi conquistado ao longo dos últimos 5 anos com muita inovação. É esperar para ver.

Mais informações, vocês podem ler o artigo original que inspirou este, no site da Sammobile.

 

 

 

Engenheiro de Computação, atuando no desenvolvimento de software a 16 anos, blogueiro iniciante e geek nas horas vagas. Atualmente possui um celular Galaxy Note 3. Gamer nas horas vagas, é fã da série Dragon Age, Mass Effect, The Elder's Scrolls.

Deixe uma resposta