Moto E 2ª geração – Review

Por -
Ano novo vida nova e a Motorola aproveita essa máxima para renovar sua linha a cada ano, assim como outros fabricantes. A bola da vez é seu aparelho de entrada o Moto E, agora batizado de Moto E 2ª geração.
Novo Moto E de 2ª geração em sua caixa, é a mesma que será vendida ao público

Novo Moto E de 2ª geração em sua caixa, é a mesma que será vendida ao público

A nova versão chega com uma tela maior, agora 4,5 ao invés dos 4,3 da versão anterior, um poder de processamento maior, um processador Qualcomm Snapdragon 410 de 64 bits o que o torna um quad-core de 1,2 GHz e 1 GB de RAM ficando melhor que o processador do Moto G e com uma tela Gorilla Glass 3 que dá um “repelente a água” a tela, não é a prova de água apenas respingos.
Ao invés de shells agora temos bands e notificações igual ao Moto X

Ao invés de shells agora temos bands e notificações igual ao Moto X

Para a Motorola o Moto E 2ª geração ainda é um aparelho de entrada, porem o modelo vem agora com um custo inicial de R$ 569,00 o modelo básico de 8 GB interno, o modelo mais avançado com TV Digital sai por R$ 729,00 com 4G, Dual Chip e TV Digital. Meu único medo é ocorrer um canibalismo entre os dispositivos da marca e irmãos Moto o G e o E.
Sintonia da TV Digital

Sintonia da TV Digital

Todos os modelos do novo Moto E de 2ª geração vem com o novo Android Lollipop 5.0, ou melhor a nossa versão de teste foi na verdade a 5.0.1.

 

A bateria também sofreu upgrades e agora dura o dia inteiro, pois ganhou 2.390 mAh, outra maravilha do aparelho é uma entrada para microSD e Dual Chip. Porem somente 1 de dados pode ser usado por vez.

 

Acesso aos Chips e a entrada de cartão microSD

Acesso aos Chips e a entrada de cartão microSD

 

Quanto ao design ele também mudou, agora ao invés de vir com shells ele vem com bumps ou band como são chamadas, ao invés de cobrir todo o aparelhos agora é só contorno, por outro lado a bateria não é removível, então a band serve para esconder os chips, a entrada de cartão de memória e um selo que vem mostrando o imei/certificações do aparelho.

 

No quesito desempenho o Moto E agradou muito, está bem fluido e bem ligeirinho, nada de travamento,  realmente a Motorola tem trabalhado para deixar o aparelho mais próximo do “Android nirvana” que é algo 100% puro. Para os jogadores o poder de processamento também veio bem a agradar fiz os teste como o Real Racing 3 que consome muito poder de processamento e o jogo funcionou tranquilamente.

 

As câmeras também receberam um upgrade a traseira vem continua com os 5 MP e ainda sem flash, mas ao menos ele ganhou uma nova lente que permite ao aparelho um melhor foco e o software ganhou o upgrade do movimento de tirar foto igual ao Moto X, agora basta balançar o aparelho e pronto a câmera é acionada, também ganhou um ajuste de cores, e um bom foco automático mas ainda sofre com a troca de cores ou de luminosidade rapidamente. Na dianteira finalmente temos uma câmera mas infelizmente ela é VGA  mas ao menos já é possível tirar boas selfies, vale lembrar que existem concorrentes na categoria com câmera de selfie de 2 MP já, quem sabe fique para a próxima versão.

 

Câmera do Moto E de 2ª geração merecia um flash

Câmera do Moto E de 2ª geração merecia um flash

 

Outra novidade é que o novo Moto E trás alguns recursos antes disponíveis apenas nos Moto X e Maxx. Além do câmera instantânea, do qual já falamos acima, o Moto Tela também está presente, recurso que mostra notificações discretas pulsando no display do aparelho.
Como testamos a versão com TV a qualidade é muito boa, porem você precisa andar com o acessório de sintonia que nada mais é do que uma antena, sem ela você ficará sem TV, e por ser um acessório é muito fácil de perder.

 

Galeria de fotos feitas com o Moto E

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

O novo Moto E está sendo lançado globalmente em 50 países, incluindo América Latina, América do Norte, Europa e Ásia.

 

O preço de cada modelo é :
  • Moto E 3G: R$ 569
  • Moto E 4G e 8 GB: R$ 649
  • Moto E 4G Dual SIM, 16 GB e três bands coloridas: R$ 699
  • Moto E 4G, 16 GB, três bands coloridas e TV digital: R$ 729

Parecer final

As mudanças do Moto E de 2ª geração bem vindas, porem para o meu uso ainda falta câmeras melhores e um custo mais reduzido, pois como foi dito ele está canibalizando o Moto G que era o próxima na fila de aparelhos de bom custo benefício. Vale muito a compra, porem se você quer  câmera poderosa com muito balanço de cores e flash, NFC, e funções que estão aparelhos de mais de R$ 1.000,00, pense no Moto X ou mesmo no MotoMaxx

Analista de Sistemas em tempo integral. Sou uma pessoa que ama animais e vídeo-games. Ainda está explorando o mundo e pensando em ser pai. No máximo conheço de alguns Gadgets, computadores e animais mas ainda não tem em seu sistema o programa filho 0.1. Fã de Apple e seus produtos desde quando adquiriu que conheceu o Amiga (primeira Fenasoft). Não desgruda do seu iPhone e costuma trabalhar num iMac 21 polegadas, mas também usa um iPad e AppleTv, acredito em JailBreak e vê recursos muito bons porem não curte fazer por ter princípios próprios.► YOUTUBE: https://goo.gl/R07Uod ► INSTAGRAM: https://goo.gl/UeCasA ► TWITTER: https://goo.gl/NMiYy1 ► FACEBOOK: https://goo.gl/pg1PKL ► SNAPCHAT: https://goo.gl/UtKQdF ► ME ADICIONA: https://goo.gl/3noz3c

Deixe uma resposta