Luan Santana lança aplicativo

Luan Santana lança aplicativo inovador no mercado digital brasileiro em parceira com startups americana e carioca

O cantor Luan Santana se prepara para lançar um aplicativo que promete ser recordista em downloads. O aplicativo será gratuito e totalmente dedicado aos fãs com gamificação e interação direta

O aplicativo estará disponível na App Store (Apple) e na Play Store (Android), e virá com  conteúdo exclusivo em vídeo, fotos e outros formatos, possibilitará que os usuários possam interagir entre si e acompanhar todas as informações sobre a carreira e rotina do cantor. Desenvolvido pela empresa americana EscapeX, em parceria com a startup carioca Kontente, ele apresenta ao mercado brasileiro novos métodos de engajamento e monetização de conteúdo.

O foco do aplicativo é na gamificação, com diversas funcionalidades, porem sempre com a premissa de interagir e reconhecer seus maiores fãs. O app ainda conta com conexão com o Spotify, que permitirá ao usuário ter acesso direto às músicas do artista, assim como as canções e playlists selecionadas pelo cantor para os fãs. Uma área que também deve engajar os seguidores é o hub, onde as atualizações de todas as redes sociais de Luan estão reunidas.

Além do vasto conteúdo exclusivo gratuito, a plataforma contará também com materiais publicados somente para os “Super Fãs” do cantor, que terão acesso a todo o conteúdo a partir de uma assinatura mensal.

“Estou muito animado com o aplicativo porque ele vai me aproximar ainda mais dos meus fãs, alguns até pessoalmente. Além de ter muito conteúdo exclusivo e reunir todas as minhas novidades e redes sociais num só local, ele vai dar a oportunidade para que alguns dos meus maiores fãs venham participar do meu dia-a-dia”, explica Luan Santana.

“No nosso aplicativo, além dos conteúdos exclusivos e inéditos, estão centralizadas todas as redes sociais e players de música do artista, seja ele cantor, chef, influenciador, atriz ou jogador de futebol. São experiências completas reunidas em uma só plataforma”, diz Alexandre Ktenas, da Kontente.