Experiência com Xperia Z Ultra e seu processador Qualcomm Snapdragon 800

Sony Z Ultra com SnapDragon 800

Durante um encontro com a mídia  Qualcomm e a Sony ,apresentaram o Xperia Z Ultra um o smartphone com tela de 6,4 polegadas e processador quad-core Snapdragon 800 de 2,2 GHz, RAM que deverá chegar agora em outubro no Brasil. O modelo nacional terá suporte a TV digital. Lá fora ele vem em 3 cores, branco, preto e roxo. Aqui nas terras tupiniquins teremos somente a preta.

Sony Z Ultra com SnapDragon 800
Xperia Z Ultra com Qualcomm quad-core Snapdragon 800

O evento começou com Diretor de Desenvolvimento de Negócios para o Ecossistema da Qualcomm, Dário Dal Piaz, apresentou  processador Qualcomm quad-core Snapdragon 800 de 2,2 GHz, em seguida  Joe Takata, gerente de produtos da Sony Mobile Brasil apresentou o  hardware que faz um ótimo casamento com o processador, RAM de 2 GB, armazenamento interno de 16 GB (com entrada para microSD de até 64 GB), câmera de 8 MP, bateria de 3.050 mAh e suporte ao 4G brasileiro e NFC. O aparelho é bem fino  6,5 mm de espessura,tela 1080p de resolução, segundo, “é da grossura de um passaporte”. O pode-se leva-lo ao ouvido como um celular, ativar o viva-voz ou então atender a chamada pelo fone de ouvido. Há um conector magnético para recarga de energia e, via dock que mantém smartphone na vertical e recarregar a bateria. A estrutura é de vidro temperado e um alumínio super resistente, juro que fiquei com medo de fazer o teste de queda.

Joe Takata, gerente de produtos da Sony Mobile Brasil
Joe Takata, gerente de produtos da Sony Mobile Brasil, apresentando o Xperia Z Ultra
Parte traseira do Xperia Z Ultra
Parte traseira do Xperia Z Ultra

Uma das primeiras coisas que chamaram a atenção no equipamento foi a espessura, o fato dele ser a prova de água e também poder utilizar um lápis ou até mesmo uma caneta de ponta metálica, sim meus amigos dá para usar algo além do dedo para escrever e não precisa ficar comprando canetinhas magnéticas, pontos para a Sony. Para quem desenha o fato de se usar canetas ou lápis acho que será um diferencial e tanto no equipamento.

Comparativo entre Xperia Z Ultra X Galaxy Tab
Comparativo entre Xperia Z Ultra X Galaxy Tab
Xperia Z Ultra, iPhone 5, Nokia Lumia 800, GeeksPhone comparando tamanhos
Xperia Z Ultra, iPhone 5, Nokia Lumia 800, GeeksPhone comparando tamanhos

Falando sobre o assunto água no Z Ultra, antes de sair molhando para  que não ocorram danos, as duas tampas devem estar sempre vedadas na hora de mergulhar o equipamento, depois pode ir sem medo mergulhar o seu dispositivo. Dá para gravar ou até mesmo assistir um vídeo dentro da piscina, porem o toque desaparece em contato com a água, como não há botão dedicado para a câmera, é necessário entrar na água já filmando. No Sol ele se mostrou um pouco desconfortável para uso.

Xperia Z Ultra, escorrendo a água após o teste
Xperia Z Ultra, escorrendo a água após o teste

A tela, esse é um fator a parte, pois usa uma tecnologia que a Sony quer implantar no mercado chamada de Triluminous, que dá a tela uma claridade maravilhosa, assistir filmes em formato HD no NetFlix foi lindo. Ele tem sinal digital em formato de 1-seg, mas o modelo de teste não veio com a função. A tela é tão linda que ler livros é muito confortável.

Xperia Z Ultra confortável para leitura em tela
Xperia Z Ultra confortável para leitura em tela

A câmera comparado com um smartphone, não tem nada especial, pelo contrário dá problemas, mas comparada com tablets é uma das melhores (se não o melhor). Tanto a câmera frontal como a traseira são ótimas. A foto com pouca luz apresenta ruídos (igual a webcam antigas) um ponto negativo no quesito câmera é a falta de um flash, sim a Sony esqueceu de adicionar um flash, que daria muita diferença ao equipamento. O fato de ter somente 3 botões físicos ajuda no desing porem dificultam a empunhadura, pois em uma situação extrema como foi posto a prova que é descer em uma montanha russa, sim fizemos isso descemos na montanha russa do Hopi Hari com o brinquedinho nas mãos, os botões atrapalharam e fizeram que não fosse gravado nada. Mas a gravação do vídeo é fantastica também. A performance de vídeo é muito  espetacular. Um destaque é a estabilização de imagem por software. A interface de câmera é muito similar à das Cyber-Shot. Um toque legal é a presença de várias opções no modo de vídeo, incluindo cenas.

Xperia Z Ultra câmera da traseira
Xperia Z Ultra câmera da Traseira
Xperia Z Ultra câmera da dianteira
Xperia Z Ultra câmera da dianteira

 

Xperia Z Ultra foto macro
Xperia Z Ultra foto macro
Xperia Z Ultra foto noturma com pouca luz
Xperia Z Ultra foto noturma com pouca luz
Xperia Z Ultra foto macro
Xperia Z Ultra foto macro
Sony Z Ultra - Montanha Russa
Sony Z Ultra – Montanha Russa

O Qualcomm Snapdragon 800, que é  de altíssimo desempenho,são os novos núcleos Krait 400 e a unidade de processamento gráfico Adreno 330, consegui sentir muita diferença desempenho nos jogos foi ótimo, com algumas demonstrações chegando perto de 60 quadros por segundo em resolução Full HD, os jogos testados foram Fifa 14,Angry Birds Star Wars II me senti jogando um PSVita, e uma parte interessante. Em um Benchamark feito com o AnTuTU, o Xperia Z Ultra humilhou com tapa na cara o Samsung Galaxy S4, a única perda foi em memória ram.

Xperia Z Ultra com Qualcomm Snapdragon 800 mostrando seu desempenho
Xperia Z Ultra com Qualcomm Snapdragon 800 mostrando seu desempenho
Xperia Z Ultra com Qualcomm Snapdragon 800 mostrando seu desempenho
Xperia Z Ultra com Qualcomm Snapdragon 800 mostrando seu desempenho
Xperia Z Ultra com Qualcomm Snapdragon 800 mostrando seu desempenho
Xperia Z Ultra com Qualcomm Snapdragon 800 mostrando seu desempenho

O som é bom, mas também falta potência, para ambientes fechados o som se torma ótimo, porem em ambientes abertos, como Hopi Hari, deixa a desejar. Já no fonte de ouvido é uma coisa linda, muito limpo e claro.

A bateria ao menos no uso não fez feio, com seus  3.050 mAh ele durou um dia inteiro de atividade no parque e ainda restou um pouco para noite, claro que para todo esse desempenho a Sony adaptou o Android com um Stamina,Sony STAMINA Mode, que é um diferencial da empresa. Simplificando como funciona o Modulo Stamina ou Stamina Mode, ele desliga as funções que você não precisa quando o smartphone não estiver em uso, prolongando significativamente a sua stand-by tempo. Ao mesmo tempo, o usuário é livre , certas características e aplicações não serão afetados pelo modo de economia de bateria, como conectividade Wi-Fi, Bluetooth, notificações e muito mais. Quando ativado, o modo Stamina poderia impulsionar o stand-by tempo da Sony Xperia Z em até 400%. Isso junto com o coração do dragão (Qualcomm Snapdragon), faz dele um matador no quesito uso de bateria, é um casamento perfeito.

Xperia Z Ultra roda confortável o Fifa 14
Xperia Z Ultra roda confortável o Fifa 14, mostrando Qualcomm Snapdragon 800, mostrando o poder gráfico’

Não há informações sobre seu preço no Brasil ainda.