Apple Watch Series 2 – Review/Analise

Tela do Apple Watch para você definir aplicativos e Watch faces no iPhone

Apple Watch vale a pena?

O Apple Watch já está no mercado há algum tempo, anualmente sai uma versão nova e isso gera um certo “barulho”. Pretendo compartilhar um pouco da minha experiência com ele e quem sabe ajudar outras pessoas com as mesmas dúvidas que tive na hora de comprar o meu.

Primeiro que há vários modelos do Apple Watch então se assim como eu você optar pela compra, saiba que há vários fatores para decidir antes de pensar somente no preço?

O primeiro Apple Watch ou Apple Watch Series 1 não tem GPS, falam que a bateria dura pouco e que lógico ele é lento. A minha escolha foi o Apple Watch Series 2 por ele já vir com GPS, resistente a água e ser um pouco mais rápido. Já Apple Watch Series 3, vem em dois modelos que vem tudo que o Series 2 vinha e o segundo com tudo do Series 3 mais a função chip que ainda não funciona no Brasil.

Visualmente se você está pesando comprar um Apple Watch, vai ficar se perguntando como sei qual é a série que estou comprando. Bem a parte que fica próximo ao pulso onde estão todos os sensores tem o nome do modelo e o tamanho, sim temos dois tamanhos também 38 mm e 42 mm.

Detalhes e descrição do modelo escolhido
Detalhes e descrição do modelo escolhido

Para ficar mais fácil a galera do MacMagazine fez essa tabela, confira as principais diferenças entre cada modelo:

Apple Watch
Series 3
Series 2
Series 1
Tela
Tela OLED
2ª geração
1.000 nits
Tela OLED
2ª geração
1.000 nits
Tela OLED
1ª geração
450 nits
Processador
S3 dual core 
mais rápido
S2 dual core
S1P dual core
Suporte à rede celular
Sim
Não
Não
GPS integrado 
Sim
Sim
Não
Altímetro barométrico
Sim
Não
Não
Siri fala
Sim
Não
Não
Resistência à água
50 metros
50 metros
Respingos
Diferença entre os modelos de Apple Watch Series 3
Diferença entre os modelos de Apple Watch Series 3 – Tabela e imagem fonte MacMagazine

Pense bem antes de escolher, principalmente porque após lançar o Series 3 a Apple descontinuou o Series 2 ficando no mercado o Series 1 e o Series 3.

Como eu disse a novidade mais destacada pela Apple no Series 3 infelizmente não ficará disponível no Brasil,  a conexão LTE (celular) não será compatível com nenhuma operadora brasileira por isso, então se pensa em comprar no Brasil somente a versão chamada de GPS será vendida por aqui.

Passado pela escolha da Series vem o segundo ponto a ser escolhido, é preciso escolher qual o tamanho do seu Apple Watch, o material da caixa e qual a pulseira que irá acompanhá-lo. Os dois tamanhos são 38 milímetros e 42 milímetros. Para essa escolha recomendo ir até uma loja experimentar pessoalmente antes pois a diferença de tamanho é mínima, mas esse tamanho também impacta no tamanho da bateria. Não vou entrar nos materiais das caixas pois tudo vai ser variação para o seu bolso, a minha escolha foi pelo alumínio por ser o mais leve e mais barato. Da mesma forma ocorre com as pulseiras, difícil decidir mas a de borracha é a que vem com o modelo de alumínio e fora que o mercado chinês já tem uma vasta gama.

Tela do Apple Watch para você definir aplicativos e Watch faces no iPhone
Tela do Apple Watch para você definir aplicativos e Watch faces no iPhone

Definidos os detalhes visuais vamos ao coração, o Series 1 o Watch usa o processador Apple S1, o que escolhi foi o Series 2 que já usa Apple S2 e o Series 3 usa o Apple S3.

Os três modelos usam OLED Retina, porem o 2 e 3 tem uma tela mais clara que o Series 1. As baterias também mudam de acordo com o tamanho e com as gerações ganhando maior capacidade algo que dá para um dia inteiro de uso, mas se você faz muito uso do GPS com corridas e caminhadas, aqui vou dizer baseado no meu dia e no meu nível de notificação dá para aguentar das 6h até umas 22h com 48% e para recarregar 2 horas são o suficiente para 100%, ainda falando em carregador, meu mimimi – chego em casa as 22h já deixo na base vou tomar banho e antes de dormir deixo no pulso pois só assim para conseguir monitorar meu sono e registrar em aplicativo de terceiro – um belo erro para da Apple na escolha de carregador diferente para o relógio, poderiam ter feito um carregador que fosse possível usar com o relógio e com o iPhone. Já o espaço interno sempre foi e está sendo de 8GB para armazenar músicas e fotos. 

Analise de sono com o Apple Watch
Analise de sono com o Apple Watch

O Apple Watch é equipado com o sistema operacional dele o watchOS  que é uma versão adaptada do iOS. A grande sacada do watchOS é usar a tela como navegação, isso porque o Apple Watch conta com apenas um botão na lateral, uma coroa e o force touch presente nos iPhones desde o 6s no meio da tela e aqui você realmente usa muito mais.

Unicos botões do Apple Watch
Unicos botões do Apple Watch

Para abrir um aplicativo, é só tocar em seu ícone. Para voltar à tela inicial, basta apertar a coroa e segura-la por alguns segundos, a Siri aparece no relógio. Ela tem outras funcionalidade como zoom, rolagem de informações e outros itens, porem há funções que se pode fazer rolando o dedo na tela.

Saída de audio do Apple Watch
Saída de audio do Apple Watch

Assim como em qualquer smartwatch você pode trocar o tema do relógio quando quiser, apenas deslizando o dedo ou por meio do aplicativo no seu iPhone. Não uso mais os mais bacanas para mim são os do Mickey e Minnie Mouse que falam a hora atual na voz das personagens, ai meu mimimi é que a de Toy Story e o da Siri podiam falar. Esses mostradores do relógio são no mesmo esquema da pulseira, é testar e ver o que gosta pois as combinações são muitas, mas já aviso WatchFaces são limitadas.

Watch Faces limitadas
Watch Faces limitadas

O Apple Watch também tem sua “Central de Controle”, ela serve para ações rápidas como ativar ou desativar o Modo Avião, silencioso, Não Perturbe, AirPlay, cinema e outras opções. Há, por exemplo, um botão que serve para “localizar” o iPhone emparelhado. Assim que você o aperta, o iPhone faz um som de alarme alto, caso você não consiga encontrá-lo. Ao pressioná-lo por alguns segundos, o LED traseiro do celular pisca junto ao som reproduzido.

Central de ajustes limitada
Central de ajustes limitada

Agora vamos aos aplicativos! No Apple Watch, de inicio tudo que você tem no seu iPhone recebe uma cópia no seu Apple Watch, mas isso muda, pois o foco do relógio é notificar, mas se assim como eu você tem muitas notificações, isso irá te dar nos nervos! Muito provavelmente vai remover o espelho do aplicativo no relógio, deixando as notificações somente no smartphone. Outra decepção com aplicativos é que eles são poucos, falta manutenção e criação deles na loja, acho os desenvolvedores não se interessam!

Todos os seus aplicativos instalados no Apple Watch
Todos os seus aplicativos instalados no Apple Watch

Para os viciados em Whatsapp, a triste notícia esse é um aplicativo que não tem sua versão para o relógio, sua compatibilidade para o Apple relógio é  somente mostrar na tela os textos, nada de imagem ou vídeos no pulso!  respostas são muito limitadas e não configuráveis. Por outro lado o Telegram já tem aplicativo, tem opções mais variadas de respostas que podem ser configuradas, mas também não mostra imagens ou vídeos. Isso me deixou triste, tinha usado o Samsung Gear G3 e que tapa na cara do Apple Watch, ele se mostra tudo! Apple que vergonha!

Um dos meus motivos em investir no Apple Watch era algo que eu gosto muito no Android Wear (Wear OS by Google), mapas! Raramente faço uso deles no relógio, mas aqui ficou devendo e muito ao Android. No Android o mapa é curva a curva, falado é lindo!. No Apple Watch tive que comprar um aplicativo de terceiros, sim comprar o Sygic World,  ainda não tenho aquela experiência que me fez querer ter um relógio. Porque eu fazia tanta questão, bem melhor do que você sacar o smartphone na rua é você usar o relógio para essa tarefa.

Atividades esportivas gravadas no Apple Watch entram no aplicativo para mostrar seu desempenho
Atividades esportivas gravadas no Apple Watch entram no aplicativo para mostrar seu desempenho.

Agora se você tem foco em atividades esportivas Apple Watch se mostra bem interessante, diariamente há três mestas ou melhor atividades a serem feitas, movimento, exercício e ficar em pé. Toda vez que você se movimenta, o relógio conta quantas calorias você queimou. Para exercícios a meta básica é 30 minutos diários e por fim a meta de ficar em pé, que é algo que Apple Watch espera que você realize no mínimo 12 vezes ao dia. Cumprir essas atividades ou metas rendem medalhas, que podem inclusive pertencer a um tema como Dia das Mulheres! Aqui outro mimimi, poderia ter mais metas configuráveis.

Meu quadro de medalhas até o momento
Meu quadro de medalhas até o momento

O Apple Watch assim como o Mac permite fazer e receber ligações, mas para esse caso o iPhone tem que por perto – lembra que comentei da versão LTE americana ? Aqui faria a diferença! – você não precisa tirar do bolso para falar,  pois há um microfone e um alto-falante embutidos, não são as melhores qualidades mas há possibilidade de atender e ser ouvido de forma aceitável.

Veredito

O Apple Watch é, na minha opinião, um bom smartwatch mas tem que crescer  muito para se tornar líder de mercado! Os sensores deixam a desejar, precisa ser mais independente do smartphone. No mais, é um relógio caro ! Se você olhar pelo preço eu diria que você consegue outros modelos que podem fazer funções parecidas a custo mais acessíveis ao bolso brasileiro.

A quantidade de modelos e tamanhos mais atrapalha do que ajuda o consumidor final na sua escolha, com alguns conhecidos que conversei acabaram optando por modelos mais simples por conta do custo.

Se você vai parcelar e comprar na loja do Brasil parabéns, porem minha recomendação pessoal é olhar os de segunda mão ou com pouco uso, sempre rola boa negociação. Minha única ressalva nesse ponto é peça a foto da traseira para ver se é o modelo desejado e marque em locais com bastante atividade de pessoas para fazer a retirada, dificilmente você encontra um modelo custando menos de R$ 800 inteiro e funcionando.